Noticias

Scholz da Alemanha analisa “de perto” o acordo migratório da Itália com a Albânia PEJAKOMUNA


Líderes progressistas europeus reúnem-se no congresso do PES em Málaga

O chanceler alemão Olaf Scholz observa ao lado do presidente do Partido dos Socialistas Europeus (PES) Stefan Lofven durante a reunião do Partido dos Socialistas Europeus em Málaga, Espanha, 11 de novembro de 2023. REUTERS/Jon Nazca adquirem direitos de licenciamento

FRANKFURT (Reuters) – O chanceler alemão, Olaf Scholz, sinalizou neste sábado abertura para estudar o acordo da Itália para manter migrantes na Albânia enquanto a União Europeia tenta conter a imigração ilegal.

“Tenham em mente que a Albânia será muito em breve, na nossa opinião, um membro da UE, o que implica que estamos a falar sobre a questão de como podemos resolver conjuntamente os desafios e problemas dentro da família europeia”, disse ele num briefing com repórteres em Málaga, Espanha.

“Esses acordos, que foram observados lá, são possíveis e todos nós analisaremos isso de perto”, disse ele. Na segunda-feira, Roma acordou com a Albânia a construção de dois campos de recepção e detenção para migrantes marítimos.

O briefing de Scholz, do qual a Reuters obteve um arquivo de áudio, foi realizado à margem de um congresso do Partido dos Socialistas Europeus (PES).

Scholz concordou na terça-feira com os chefes dos 16 estados da Alemanha sobre uma política de migração mais dura e um novo financiamento para refugiados.

Scholz disse que é necessário um rumo europeu claro na política de migração “para corrigir coisas que não correram bem no passado (e) para estabelecer um mecanismo de solidariedade para que nem cada país, por si só, tenha de tentar vencer os desafios sozinho”.

Uma revisão das regras de asilo e migração do bloco deveria ser concluída na atual legislatura do Parlamento Europeu, disse ele.

Scholz também disse que seis estados dos Balcãs Ocidentais, aos quais foi prometida adesão à UE há 20 anos, deverão ser integrados “em breve”.

Além disso, também deverão ser dadas perspectivas de adesão à Moldávia, à Ucrânia e à Geórgia.

Ele também apelou a um cessar-fogo entre Israel e o Hamas na Faixa de Gaza para permitir a ajuda humanitária, ao mesmo tempo que defendeu o direito de Israel de tomar medidas contra o Hamas.

Reportagem de Andreas Rinke e Vera Eckert; Edição por David Holmes

Nossos Padrões: Os Princípios de Confiança da Thomson Reuters.

Adquirir direitos de licenciamentoabre nova aba

Guerra

Hello, I'm Guerra, the voice behind this blog. I am a passionate Writer, dedicated to sharing my knowledge and experiences with you. I've been Writing Megazine Blog for 5 years, and I'm passionate about bringing you informative and engaging content on macdonnellofleinster. My mission is to Create Information. I believe that it can. Feel free to contact me via [email protected] with any questions or collaborations. Thank you for visiting my blog, and I hope the content is enjoyable and informative! Follow me on Social Media for more updates and insights on News Articles. Warm regards, Guerra

Related Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Back to top button